Especial Harry Potter – 3 previsões de Animais Fantásticos em Harry Potter e a Pedra Filosofal

Rate this post

Quando se pensa no lançamento de uma série derivada, um dos pontos chaves é escolher os elementos de conexão com a série original, o que gera identidade e reconhecimento. Esse serviço é bastante delicado, pois apesar de parecer fácil reproduzir referências já expostas em outra obra, é necessário que essa referência obedeça à lógica do universo, de forma que ele não se torne incoerente. Ao lançar a nova série Animais Fantásticos, J.K. Rowling tem em mãos a missão de cruzar esses universos de maneira coesa. O trabalho da autora foi, sem dúvida, muito facilitado pela própria competência, já que os livros de Harry Potter são riquíssimos em detalhes curiosos daquele universo, além de a autora já ter lançado outras obras que funcionavam como glossários que davam riqueza e concisão à história desse mundo mágico e de suas criaturas. Em apenas um filme e um trailer já é possível elencar uma série de momentos nos quais os acontecimentos de Animais Fantásticos se cruzam com os livros de Harry Potter. A seguir estão 3 das principais referências presentes na série que se relacionam diretamente ao livro Harry Potter e a Pedra Filosofal, pontapé inicial de todo esse mundo, lançado em 1997:

1 – Newt Scamander e os Animais Fantásticos e Onde Habitam

 

Ao receber a lista de livros que precisa comprar para iniciar o ano letivo em Hogwarts, na lista apresentada no capítulo O Beco Diagonal, está presente o livro Animais Fantásticos e Onde Habitam escrito por Newton Scamander. Resgatada por J.K. Rowling, essa referência é a base de origem de toda a nova série. Imagina se futuramente cada um dos 8 livros citados na lista ganhasse uma série de 5 filmes? Seria mágico, ein?

 

 

2 – A figurinha de Dumbledore

 

No capítulo O Embarque na Plataforma Nove e Meia, Harry come seu primeiro sapo de chocolate no Expresso de Hogwarts e a primeira figurinha que ele retira é exatamente do diretor Alvo Dumbledore. Na descrição do professor constante da figurinha existem não apenas uma referência resgatada na série Animais Fantásticos, mas duas. O texto afirma que Dumbledore derrotou Grindelwald em 1945 (aguardamos ansiosos por essa cena), e que desenvolveu um trabalho de alquimia em parceria com Nicolau Flamel, personagem presente no trailer de Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald.

 

 

3 – Nicolau Flamel

 

Nicolau Flamel em si é uma referência de extrema importância em Harry Potter e a Pedra Filosofal, por ser o desenvolvedor do produto que dá nome ao livro, possuindo um capítulo próprio. A destruição da pedra filosofal resulta na morte do alquimista e de sua esposa, assim sendo, apesar de não aparecerem presencialmente na narrativa do livro, é ao redor do sacrifício e da morte dos dois que se desenvolve o primeiro diálogo de cunho filosófico mais denso da série, que ocorre no último capítulo do primeiro livro entre Dumbledore e Harry. Esse diálogo prenuncia muito do que se verá ao longo de toda a série, que se ancora em discussões sobre amor, bondade, morte e sacrifício.

 

Será que em 1997 J.K. Rowling já tinha todos esses desdobramentos da série planejados na cabeça? Essa é uma pergunta que apenas a autora pode responder. O mais provável é que diversas ideias já existiam em sua primeira forma, mas foram desenvolvidas depois; outras foram acrescentadas em outros momentos. O fato é que hoje (31 de julho) é celebrado o aniversário da autora, e todos desejamos que ela viva ainda muitos anos, descortinando esse universo para a gente, como também o enriquecendo com novas ideias e cada ano.

 

Leave a Reply

%d bloggers like this: