Análise| Scream a série (1ª temporada)

Rate this post

Em uma entrevista não muito recente a atriz Neve Campbell disse que um quinto filme da franquia Pânico sem a presença de Wes Craven seria muito difícil, seja pela dinâmica ou pelo fato de trabalhar com outro diretor. Mas, palavras da atriz “nunca se sabe. Eu não descartaria retornar”. Se você não está familiarizado com o nome citado pela eterna Sidney Prescott, deixe-me te dizer que este foi, nada mais, nada menos que um dos maiores criadores de filmes de terror dos últimos tempos. Sua Maior obra prima do gênero é com certeza A Hora do Pesadelo-1984, mas não a única. Craven repetiu o feito anos mais tarde e com um novo longa que reescreveria a maneira como se faz um filmes de terror, e dessa vez nada de zumbis, lobisomens ou psicopatas quase imortais que sempre voltam, mesmo depois de levar sessenta tiros. Em 1996 nascia a franquia Pânico. O longa ganhou mais três continuações que fizeram tanto sucesso quanto suas versões antecessores.

Duas garotas são filmadas se beijando dentro de um carro num estacionamento. O flagra logo se torna um viral na internet, o cyberbullying começa e o vídeo resultando num brutal assassinato. Seria uma vingança por conta do vídeo? Um aspirante a serial killer fã de filmes de terror? Ou algum sobrevivente do massacre de outrora? Essa é só uma pequena parte do problema que os jovens terão de enfrentar. Mentiras e segredos, chantagens e um assassino em serie sem a menor piedade. Quem está por trás da mascara de Brandon James? Essa é uma pergunta que a jovem Emma (Willa Fitzgerald) terá que descobrir o quanto antes. Para nossa felicidade, o gênero terror sempre se renova e em 2015 cinéfilos e fãs da franquia foram presenteados com o que conhecíamos como Pânico, só que diferente e renovado, reformulado e atualizado. Algo puxado para nossa atualidade, bem real e muito mais violento também, o episódio final da primeira temporada que o diga. Esqueça o assassino que vive passando trotes, os meios de aterrorizar suas vitimas mudaram. O terror vem das redes sócias, sms, snapchat e seu conhecimento sobre filmes de terror talvez não te salve. Disponível na Netflix e com seu piloto lançado no canal MTV, apresento-lhes senhoras e senhores…..Scream a série.

 Não se engane, você não está vendo uma cópia boba de Pânico. Claro que o original merece todo nosso respeito, quanto a isso não tem porque se preocupar. O próprio Wes cuidou disso. Adivinha quem era o produtor? Exatamente, Craven cuidou bem da série e deu seus toques pessoais como um bom produtor, logo é fácil pensar em Pânico e ser cativado por Scream em diversos momentos com claras referências ao original. Infelizmente o gênio do terro veio a falecer no mesmo ano em que a serie foi lançada, vitima de um câncer. Mas o homem que criou Freddy Krueguer nos deixou fazendo desta, uma ótima série (ou pelo menos a primeira temporada) com um ótimo roteiro, suspense na mediada e personagens incríveis e carismáticos. Destaque para o Noah (John Karna) que te dará uma perspectiva diferente e te confundirá bastante com suas teorias sobre terror. O elenco ainda conta com Bex Taylor-KlausAmadeus SerafiniCarlson YoungConnor WeilTom MadenTracy Middendorf e Jason Wiles Scream é uma serie incrível, disponível na Netflix esperando os adoradores de filmes de terror aos quais, eu recomendo que assistam. Qual a sua série ou filme de terror favorito? Com saudades de um bom terror? Então não deixe de ver Scream a série.

 

Nota: 

 

 

Leave a Reply

%d bloggers like this: